Cunhada de Batista Custódio faz comentário sobre criança estuprada e Diário da Manhã repudia declaração

Pelas redes sociais, Sonely Almeida insinua culpa da menina de 10 anos pelos 4 anos de estupro. “Será que ela é tão inocente assim? Me perdoa! A maioria das mulheres de hoje estão pior que cachorras no cio”, disse em comentário no Facebook

O Jornal Diário da Manhã divulgou uma nota de repúdio após Sonely Almeida, cunhada de Batista Custódio, publicar uma mensagem no Facebook em que insinua culpa de menina de 10 anos pelos 4 anos de estupro. Segundo a publicação, Sonely é “ferrenha defensora do presidente Jair Bolsonaro nas redes além de beata na Igreja”.

O jornal afirma que vem sofrendo um bombardeio de críticas por conta do parentesco de Sonely com o fundador do veículo, Batista Custódio, após a repercussão nacional do comentário da mulher a respeito do aborto autorizado pela justiça onde figura como parte a criança de apenas dez anos.

“Ocorre que tais declarações não se coadunam com a dignidade humana, mostrando apenas amplo desconhecimento a respeito do tema, uma vez que comentários feitos por fanáticos religiosos como Sonely disseminam ódio gratuito a uma criança além de questionar o amplo e irrevogável poder de decisão da justiça”, diz a nota.

Por fim, o Jornal Diário da Manhã reitera que não compactua com atos fanáticos e desumanos. “Estamos atentos à expressões e atitudes desta natureza e não toleramos em nenhuma hipótese tais práticas”, destaca.

Ataques

Os ataques de conservadores à menina de 10 anos não se restringiram às redes sociais e também ocorreram na porta do hospital em que a criança realizou um aborto autorizado judicialmente. No entanto, a mensagem de Sonely se destacou pela agressividade  e o uso de termos como “cachorras no cio”.

“Quatro anos sendo estuprada ate se engravidar e não falar nada com ninguém? Será que ela é tão inocente assim? Me perdoa! A maioria das mulheres de hoje estão pior que cachorras no cio. Na minha comunidade tem crianças de dez anos que já estão com dois filhos nos braços. Estamos vivendo num mundo cruel. Onde perderam completamente o temor de Deus. Mais uma inocente que vai pagar pelos erros dos pais. Se o pai e a mãe cuidasse dela como deveria, certamente isso não estava acontecendo com ela”, disse Sonely em comentário feito no Facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.