“Cumpri meu papel à frente da Segurança Pública”, diz José Eliton

Vice-governador deixa chefia da SSPAP do Estado para articular alocação de recursos do Estado junto aos municípios

O vice-governador de Goiás, José Eliton (PSDB), deixou a pasta de Segurança Pública e Administração Penitenciária do Estado após nove meses à frente da secretaria. Em entrevista ao Jornal Opção, o tucano reiterou que a decisão foi tomada em conjunto com o governador Marconi Perillo (PSDB), que fez o anúncio na manhã desta quinta-feira (1º/12).

O vice-governador explicou que a possibilidade já vinha sendo conversada e foi definida a partir da confirmação da venda da Celg. A partir de agora, além da função de vice-governador, o tucano assume também a coordenação de um plano de convênios e recursos, parte deles oriunda da venda da companhia de energia.

“A saída da secretaria se deu diante da necessidade de um agente articulador do governo na questão das aplicações corretas dos recursos estaduais nos municípios. Temos um grande montante a ser administrado, com a venda da Celg, os recursos da repatriação e o proveniente do ajuste fiscal implantado pelo governo do Estado. Tudo isso vai ter um impacto no orçamento destinado aos investimentos e o governo precisa fazer a gestão para a alocação adequada desses recursos”, disse o vice-governador à reportagem.

A meta do governo é ampliar ainda mais a aplicação de recursos em obras e investimentos em todas as regiões goianas. Entre as ações está o aumento de parcerias com os prefeitos eleitos nos 246 municípios do Estado.

Ainda sobre sua saída da SSAP, José Eliton afirma que deixa a pasta com um balanço positivo. “Temos a sensação de dever cumprido no sentido de que hoje estão estabelecidos os avanços conquistados nos últimos nove meses, com a série de investimentos que possibilitaram a reestruturação das forças policiais. Tenho certeza que deixamos a pasta em melhores condições do que encontramos”, concluiu.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.