Coordenador de campanha de Caiado acusa presidente do DEM Anápolis de caixa 2 em 2018

Em mensagem divulgada por site houve acusações sobre legalidade das doações feitas durante período eleitoral na região anapolina

Fávio Escobar e Carlos Cesar Toledo | Fotos: reprodução

Democratas de Anápolis entraram em conflito depois que Fábio Escobar, um coordenador da campanha do governador Ronaldo Caiado em 2018, à época candidato, acusou o presidente do DEM da cidade, Carlos Cesar Toledo de caixa 2 no período eleitoral. As informações são do site ‘Anápolis Notícias 24h’.

Em dezembro de 2018, Fábio já havia pedido ao Tribunar Superior Eleitoral (TSE) que Carlos prestasse contas da doações feitas exclusivamente em Anápolis.

Foto: reprodução

Mais recentemente, neste mês, o ex-coordenador de campanha voltou a tocar no assunto em um comentário de uma rede social.

Imagem: reprodução

Um outro coordenador de campanha de Anápolis, Joaquin da madeireira, porém, saiu em defesa de Carlos, acusando Escobar de oferecer propostas indevidas enquanto era Secretário municipal no governo de Pedro Sahium, ex-prefeito da cidade.

O Jornal opção identificou os envolvidos por meio de uma rede social, mas nenhum deles responderam as mensagens enviadas até a publicação dessa matéria.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.