Considerado rei do blues, músico B.B. King morre aos 89 anos

Artista foi internado depois de sofrer de desidratação causada por diabetes do tipo 2

Reprodução/Facebook

Reprodução/Facebook

O músico B.B. King, considerado o rei do blues, morreu nessa quinta-feira (14/5) em Las Vegas, nos Estados Unidos, aos 89 anos, informou no início da manhã dessa sexta-feira (15) seu advogado. No início de abril, B.B. King foi internado no hospital depois de sofrer de desidratação causada pelo diabetes tipo 2, doença com a qual convivia há mais de 20 anos.

Considerado um dos artistas mais influentes de todos os tempos, B.B. King ganhou 16 prêmios Grammy e gravou mais de 50 discos em quase 60 anos de carreira. Ele entrou para o Hall da Fama do Rock and Roll em 1987. Para a história ficam temas como Three O’Clock Blues, The Thrill Is Gone e When Love Comes to Town, em colaboração com os irlandeses U2. B.B. King foi um dos inspiradores do músico português Rui Veloso, com quem tocou em 1990, realizando um sonho de vida.

Riley B. King nasceu em 16 de setembro de 1925 em Itta Bena, no estado norte-americano do Mississipi. O artista casou-se duas vezes. Primeiro com Martha Lee Denton, entre 1946 e 1952, e depois com Sue Carol Hall, desde 1958 até 1966. O artista deixa 14 filhos e mais de 50 netos.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.