Conselho Nacional de Educação recomenda que escolas não reprovem alunos em 2020

Parecer ainda prevê possibilidade de antecipar início do ano letivo de 2021 para suprir aprendizagem defasada

Foto: Reprodução.

O Conselho Nacional de Educação (CNE) aprovou nesta terça-feira, 7, um parecer que recomenda que escolas públicas e privadas não reprove, estudantes em 2020, por causa da pandemia do coronavírus.

O documento ainda prevê a possibilidade de antecipar o início do ano letivo de 2021 para suprir a aprendizagem defasada.

Um dos pontos mais importantes para a reorganização dos calendários escolares e planejamento curricular de 2020 e 2021, segundo o CNE, é a revisão dos critérios de avaliação “com o objetivo de evitar o aumento da reprovação e do abandono escolar” na educação básica. 

O parecer esclareceu que as orientações para a realização de atividades presenciais e não presenciais devem ser consideradas como “sugestões” aos sistemas de ensino, redes, escolas, professores e gestores. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.