Confira os pontos de interdição para a passagem da Tocha Olímpica por Goiânia

São mais de 350 pontos de interdição temporária. SMT implantou sinalização e mobilizará agentes de trânsito para orientar os motoristas

Prefeito Paulo Garcia durante apresentação da programação da Tocha Olímpica em Goiânia | Foto: Larissa Quixabeira

Prefeito Paulo Garcia durante apresentação da programação da Tocha Olímpica em Goiânia | Foto: Larissa Quixabeira/Jornal Opção

Goiânia recebe na próxima quinta-feira (5/5) a passagem da Tocha Olímpica. Em preparação para o evento, a prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito, Transporte e Mobilidade (SMT) prepara intervenções no trânsito e bloqueios temporários de ruas e avenidas na capital.

Com largada na Câmara Municipal e chegada na Praça Cívica, a Tocha Olímpica percorrerá 18,3 quilômetros, num período previsto de três horas. O percurso terá cerca de 350 pontos de interdição no trânsito e passará pelo Parque Mutirama, pela Praça Tamandaré, Praça do Ipê (Setor Bueno), Parque Vaca Brava, viaduto da Avenida T-63, Colégio Estadual Pedro Xavier Teixeira (Setor Pedro Ludovico), Parque Areião, Praça Leo Lynce (Setor Oeste) e Praça Cívica, nesta ordem.

Entre as 16 e 22 horas de quinta-feira (5/5), o trânsito nos locais sofrerão alterações para garantir a segurança dos atletas e população que acompanhará o revezamento. A SMT informa que o percurso será gradativamente liberado em um período de uma a duas horas após a passagem da tocha.

Em todo o percurso não serão permitidos veículos estacionados entre as 6 e 22 horas de quinta-feira (5). No trecho demarcado não será permitida circulação e nem estacionamento de veículos. Placas de sinalização horizontal já estão sendo implantadas em alguns locais de forma preventiva. Veículos que estiverem estacionados no percurso no dia do revezamento serão guinchados.

Em alguns locais, como na Avenida Couto Magalhães, a SMT implantou na última quinta-feira (28/4) placas horizontais com proibição de estacionamento. Novas sinalizações serão implantadas ao longo do percurso, tanto com placas como com cavaletes. Será realizado trabalho educativo nas áreas onde houver alterações de sinalização, assim como de fiscalização.

As maiores intervenções no trânsito serão implantadas nas imediações da Praça Cívica, ponto de parada final do evento. Desde o início desta quarta-feira (4/5). o anel interno da Praça Cívica está bloqueado para montagem das estruturas do evento. A partir de quinta (5), o anel externo ficará bloqueado entre a Rua 10 e a Avenida Goiás.

Fora do percurso da tocha, o trecho da Avenida Anhanguera com a Rua 200 estará liberada apenas para passagem de ônibus do Eixo Anhanguera.

Confira os pontos de passagem do símbolo olímpico, por setores.

Pontos de passagem da tocha olímpica:
Centro: Avenidas Goiás, Araguaia, Paranaíba; Ruas 3, 4 e 82 (nos anéis internos e externos da Praça Cívica) e Dona Gercina Borges;
Setor Oeste: Avenidas República do Líbano, Assis Chateaubriand, Alameda dos Buritis e T-7;
Setor Bueno: Avenidas T-7, T-1, T-2, T-10, T-3, T-5 e T-63;
Setor Marista: Avenidas Americano do Brasil, Ricardo Paranhos, 136, Rua 146,
Setor Bela Vista: Avenida Couto Magalhães e 5ª Radial

Reprodução / Prefeitura

Reprodução / Prefeitura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.