Com risco de epidemia de dengue em Goiânia, MP restabelece gabinete de crise no combate à doença

Decisão foi tomada pelo órgão após reunião com entidades do Estado e do município ligados à saúde pública. Ações serão focadas em prevenção 

Foto: reprodução

O Ministério Público de Goiás (MP-GO) decidiu nesta quinta-feira, 11, restabelecer, ao lado de entidades, o gabinete de crise de combate à dengue em Goiânia. A ação do MP e das entidades são focadas em estabelecer medidas de prevenção e a decisão foi tomada após o apontamento da Vigilância em Saúde do Município do risco de epidemia da doença.

Conforme divulgado pelo MP, o gabinete será formalizado em documento a ser elaborado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Goiânia. Os integrantes, além do MP-GO, serão: Vigilâncias Estadual e Municipal de Saúde, Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea), Associação dos Hospitais do Estado de Goiás (Aheg), Conselho Regional de Medicina de Goiás (Cremego), Associação dos Hospitais Privados de Alta Complexidade de Goiás (Ahpaceg), Sindicato dos Condomínios e Imobiliárias de Goiás (Secovi), Conselho de Desenvolvimento Sustentável e Estratégico de Goiânia (Codese) e Sindicato da Indústria da Construção de Goiás (Sinduscon).

Na reunião entre as entidade, ficou estabelecido ainda a realização de outras ações, como plenária temática sobre manejo clínico de pacientes com dengue, chikungunya e zika. O evento será organizado pelo Cremego e deve reunir representantes da Ahpaceg, operadoras de planos de saúde , sociedades mécias, Secretaria Estadual de Saúde (SES) e SMS.

Além disso, o Serviço Social da Indústria da Construção no Estado de Goiás (Seconci), juntamente com o Sinduscon, irá ofertar treinamento e capacitação a agentes caçadores do Aedes nas obras. A capacitação, conforme explica o MP, será ofertado para 200 pessoas e acontecerá no dia 1º de novembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.