Ronaldo Caiado impõe regras para realização da Copa América em Goiânia

O governador Ronaldo Caiado usou a sua conta no Twitter para compartilhar as primeiras negociações do Estado com a Confederação Sul-Americana de Futebol, a Conmebol. Ele disse que foi procurado pela entidade e determinou uma série de condições para que os jogos ocorram na Capital.

A primeira exigência é a de que todas as partidas e treinos não tenham a presença de público e “que fosse montado um sistema estilo bolha”, para proteger atletas, arbitragem, comissão técnica, imprensa e todos os envolvidos no processo.” Ele disse que as condições foram aceitas pela Conmebol.

Exigiu, ainda, que a Confederação vacinasse todos os envolvidos na competição. O que também foi aceito. E que não aceitaria gastar “um centavo com a competição”. “Qualquer investimento de infraestrutura será por conta deles. Inicialmente, os jogos serão no Estádio Olímpico, sem público. E o Serra Dourada vai servir de suporte.”

E finalizou: “Não podemos politizar esse assunto de Copa América. Porque estamos tendo Campeonato Brasileiro, Sul-Americana, Libertadores e Eliminatórias. Tivemos estaduais. Qual a diferença se protocolos até mais rígidos de segurança serão tomados? É preciso pensar na saúde e ter coerência”, disse o governador.

O prefeito de Goiânia, Rogério Cruz (Republicanos), também disse, por meio de nota à imprensa, que é “favorável à realização do torneio”.

Abaixo a íntegra da nota do Prefeito Rogério Cruz:

O prefeito Rogério Cruz recebeu ligação do governador Ronaldo Caiado, nesta terça-feira (1/6), para consultá-lo sobre a realização da Copa América em Goiás. O prefeito lembrou que os estádios da capital são geridos pelo Estado e que, estabelecidos protocolos sanitários seguros, é favorável à realização do torneio, assim como ocorreram partidas dos campeonatos nacionais da Série A e B, Copa Sul-Americana e Copa do Brasil em Goiânia.

Assessoria do prefeito Rogério Cruz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.