Com propostas genéricas ao governo, Caiado foge de temas econômicos

Senador admitiu ainda desconhecimento acerca de propostas para o desenvolvimento industrial

Foto: Reprodução

O senador Ronaldo Caiado (DEM), ao apresentar o plano de governo durante sabatina promovida pela Federação das Indústrias de Goiás (Fieg) nesta segunda-feira (13/8), fez propostas genéricas, fugiu dos temas econômicos e admitiu desconhecimento acerca de propostas para o desenvolvimento industrial.

Com chavões e propostas óbvias como “Saúde de qualidade”, “Educação plena”, “ampliar cultura”, o senador não disse exatamente o que vai fazer, além de perder o foco durante explanação dos temas.

Ao final, defendeu a política de incentivos fiscais.

Desconhecimento

O senador admitiu ainda que não “tem compreensão dos problemas do dia a dia”, para ajudar no desenvolvimento industrial.

Caiado falou que os métodos de incentivo industrial em Goiás são ultrapassados, mas não apresentou nenhuma alternativa ao modelo atual. O senador ainda questionou a Fieg por não apresentar nenhuma solução. “Por que a Fieg não apresenta um projeto?”, falou.

Tempo

Para a apresentação, Caiado extrapolou o tempo, o que lhe rendeu um belo puxão de orelhas da mediadora, a jornalista Cileide Alves.

“O senhor não vai acreditar, mas os seus 30 minutos levaram 30 minutos pra passar”, disse Cileide, depois de Caiado insinuar que ela havia sido desatenta no uso do tempo.

Deixe um comentário