Com propagandas enxutas, candidatos reiniciam campanha na TV nesta quarta (12)

Iris Rezende e Vanderlan Cardoso voltaram ao horário eleitoral de rádio e TV apresentando suas trajetórias políticas e agradecendo à votação no primeiro turno

Iris foi o primeiro a se apresentar nesta quarta-feira

Iris foi o primeiro a se apresentar nesta quarta-feira

A propaganda eleitoral na rádio e TV do segundo turno começou nesta quarta-feira (12/10). Após um acordo fechado entre os dois candidatos à Prefeitura de Goiânia, Iris Rezende (PMDB) e Vanderlan Cardoso (PSB), e a Justiça Eleitoral, ficou definido que a propaganda teria apenas dez minutos: cinco minutos para cada candidato expor suas ideias e propostas.

A primeira propaganda foi a de Iris Rezende. O decano peemedebista agradeceu a votação do primeiro turno e recontou sua vida política, reafirmando que deve muito a Goiânia, já que foi na capital que começou sua trajetória.

Iris falou de obras realizadas à frente da Prefeitura, como os CMEIs e escolas de tempo integral. Disse, ainda, que irá criar Administrações Regionais em 7 regiões da cidade, para aproximar a Prefeitura do cidadão e que criará uma “rede de proteção contra a violência em Goiânia”.E, aproveitando que é o Dia das Crianças, falou do Parque Mutirama que é, segundo ele, “a maior homenagem de Iris às crianças”.

Por fim, o peemedebista prometeu, novamente, que vai passar os quatro anos do mandato à frente da Prefeitura de Goiânia.

Vanderlan Cardoso

Vanderlan apresentou sua trajetória pessoal e política

Vanderlan apresentou sua trajetória pessoal e política

Os cinco minutos seguintes foram de Vanderlan Cardoso. O candidato do PSB agradeceu a votação expressiva no primeiro turno e apresentou sua vida — pessoal, como empresário e político — à população. De uma infância pobre, mostrou que seu primeiro empreendimento foi uma caixa de engraxar sapatos e falou do tempo em que foi feirante e das cidades em que morou. Mostrou também sua família: a esposa, Izaura, e os dois filhos.

Foi em Boa Vista (RR), ressaltou, que começou a carreira de empresário, quando abriu um atacado onde revendia produtos de Manaus (AM). Em seguida, abriu uma empresa do ramo alimentício em Brasília. Depois a empresa acabou sendo transferida para Senador Canedo.

E foi da Cicopal e dos projetos sociais da empresa, garantiu, que nasceu a vontade de ir para a política. Destacou programas de sua indústria como o que dá bolsas de estudos e o que dá assistência odontológica aos funcionários. Com a experiência no setor privado, foi para o setor público e administrou Senador Canedo, transformando-a “em destaque em todo o país”.

Por fim, o candidato lembrou do seu crescimento nas pesquisas e falou que recomeçar a propaganda no Dia das Crianças é altamente simbólico, porque “é hoje que se faz o amanhã”, em referência ao jingle de sua campanha.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.