Com presença do ministro da Educação, IFG inaugura sede na região oeste de Goiânia

Primeira etapa da unidade abriga três pavimentos e uma área total construída de 3.955,98 m²

A sede definitiva do Câmpus Goiânia Oeste do Instituto Federal de Goiás (IFG) foi inaugurada na tarde deste sábado, 5. A unidade está localizada na Rua RF 17, Quinhão 1, Fazenda Santa Rita, Residencial Flórida, próximo à saída de Guapó.

Presente no evento de solenidade — realizado somente para convidados devido a pandemia de Covid19 — o ministro da Educação, Milton Ribeiro, parabenizou o IFG pela inauguração. “Estou muito feliz de sair em um sábado, vir de carro lá de Brasília, para celebrar com os senhores esta conquista da sociedade goianiense. Parabéns para vocês todos!” disse.

O ministro ainda destacou a importância do ensino profissional e a atenção que precisa ser dada ao assunto. “Uma boa alfabetização de nossas crianças e um bom ensino profissionalizante, são duas áreas que eu vou olhar com muito cuidado” disse.

Estrutura

A primeira etapa da unidade abriga três pavimentos e uma área total construída de 3.955,98 m². A sede possui 10 salas de aula, banheiros comuns e os adaptados com acessibilidade, vestiários, sete laboratórios: de artes, de ensino e brinquedoteca; de informática, de nutrição e dietética, de promoção à saúde; de saúde 1 e de saúde 2.

Além disso, a estrutura tem uma sala funcionando como biblioteca, sala de estudos, auditório, sala de convivência para servidores, copa/cozinha, lavanderia, espaço de convivência para terceirizados, quadra poliesportiva descoberta e salas administrativas. Também foram instalados o elevador e as plataformas elevatórias para o deslocamento de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida.

Jerônimo Rodrigues da Silva, reitor do IFG, comentou sobre a possibilidade de crescimento da unidade e chamou atenção para o fato de que o espaço ainda precisa ser finalizado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.