Com medo de ameaças de morte, Jean Wyllys renuncia mandato e deixa o Brasil

No Twitter, o deputado federal agradeceu aos seus seguidores e diz que “manter sua vida também é uma forma de resistência”

Foto: Divulgação

O deputado federal Jean Wyllys (PSOL) anunciou nesta quinta-feira, 24, que renunciou seu mandato parlamentar e deixou o Brasil após sofrer ameaças de morte.

No Twitter, ele agradeceu aos seus seguidores e diz que “manter sua vida também é uma forma de resistência”.

Ele está sob escolta da polícia desde o assassinato da vereadora Marielle Franco, no Rio de Janeiro. O parlamentar foi eleito com 24 mil votos para o terceiro mandato e estava atualmente de férias no exterior quando afirmou que não pretende retornar ao Brasil.

2 respostas para “Com medo de ameaças de morte, Jean Wyllys renuncia mandato e deixa o Brasil”

  1. Sandoval Neto disse:

    o nosso país infelizmente se tornou refém de milicianos mafiosos

  2. ziro disse:

    A velha tática da esquerda incompetente que deveria resolver o problema, após encher as burras através de super salários e mordomias quilométricas sustentados pelo povo brasileiro, abandona o país com falácias, vitimização pura…. A mensagem que ele transparece passar que no Brasil só o pessoal do arco íris que sofre violência, é uma retórica que não é verdadeira, pois a violência atinge a todos, indistintamente, isso é um fato real. Na verdade, no Brasil, o trabalhador que sai de casa para trabalhar não sabe se volta vivo. A maioria votou em Bolsonaro para resolver pelo menos em parte o problema, e pelo visto até agora está cumprindo com suas promessas eleitorais com a convocação de Sergio Moro e os militares para a tarefa…..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.