Prefeito de Trindade diz que foi preciso fechar igrejas para barrar o crescimento dos casos da doença

Festa do Divino será online. “Tendo em vista que o cenário estadual e nacional é de crescimento, nada melhor que prevenir, dar um passo atrás para que de forma cautelosa possamos salvar vidas”, justifica Marden Júnior

Festa do Divino Pai Eterno presencial, antes da pandemia | Foto: Reprodução

A Prefeitura de Trindade publicou novo decreto com orientações a serem seguidas durante a Festa do Divino Pai Eterno. Este ano, o evento que ficou impossibilitado de ocorrer em 2020, devido a crise sanitária, será realizado de forma completamente virtual, entre os dias 24 de junho e 4 de julho.

No novo documento, foi determinada a proibição da abertura do Santuário Basílica do Divino Pai Eterno, da Igreja Matriz, da Igreja do Santíssimo Redentor, da Igreja de Santa Luzia ou de qualquer Igreja Católica das regiões 1 e 2 da cidade.

Também não poderão ser realizadas celebrações de missas, novenas, terços, procissões, vigílias, entre outros, com presença de público no local. Além disso, estão vedados a instalação de barracas, quiosques e similares e o funcionamento dos hotéis e pousadas, a não ser para mensalistas e profissionais da Saúde.

Ao Jornal Opção, o prefeito Marden Júnior (PP) explica que, após reuniões entre o Governo do Estado, do Município e a Igreja, ficou estabelecido que a festa seria realizada de forma virtual. A partir disso, todas as novas medidas estabelecidas em decreto foram determinadas em função do encontro virtual.

“Devido a pessoas que já começam a querer vir para a cidade e a fazer caravanas, identificamos que estamos num momento de dificuldade, na iminência de uma terceira onda, e que precisávamos tomar algumas medidas restritivas com relação a esse período. Assim, as pessoas poderão ficar em casa e participar da Romaria, tendo acesso através de Rádio, TV e pelo portal da Prefeitura. Todo esse cenário vai trazer mais conforto e, principalmente, mais segurança aos trindadenses e romeiros”, esclarece o prefeito.

Para que as medidas sejam cumpridas de forma adequada, a fiscalização será feita em parceria com o governo estadual, por agentes da Polícia Civil, da Polícia Militar e dos Bombeiros. Serão instaladas seis barreiras sanitárias e outras seis frentes fiscalizadoras dentro da cidade para evitar aglomerações. Segundo Marden Júnior, serão disponibilizados serviços de orientação, com a presença da Vigilância e Saúde.

As ações se justificam uma vez percebido pelo governo municipal o aumento dos casos de contaminação pela Covid-19 na cidade. “Temos uma testagem aberta todos os dias e temos percebido o aumento de casos significativo. Das pessoas que marcam pelo site da prefeitura ou aplicativo e vão testar, tínhamos uma taxa de 8% que resultava positivo. No entanto, no começo dessa semana chegamos a 25%”, diz.

Nas últimas 24 horas, o município registrou 60 novos casos, número que integra os mais de 9,4 mil confirmados da doença desde março de 2020. Até o momento, 347 trindadenses foram a óbito em decorrência da Covid-19. “Isso [o aumento de casos] nos preocupa. Tendo em vista que o cenário estadual e nacional é de crescimento, nada melhor que prevenir, dar um passo atrás, com os pés no chão, para que de forma cautelosa possamos salvar vidas”, complementa.

“Esperamos que em 2022 tenhamos toda a população brasileira vacinada, estejamos livres da pandemia e possamos realizar a maior Festa do Divino Pai Eterno de todos os tempos”, concluiu o prefeito Marden Junior.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.