Clécio reafirma apoio a Andrey e G-19 deve fazer presidente da Câmara

Vereador afirmou que novatos já confirmaram apoio ao vereador eleito e que Wellington Peixoto, que disputava o cargo, também deve compor com ele 

Grupo de vereadores novatos oficializam apoio a Andrey em reunião com Iris Rezende | Foto: Reprodução

O vereador Clécio Alves (PMDB) confirmou, nesta sexta-feira (30/12), que vai apoiar Andrey Azeredo (PMDB) para a Presidência da Câmara dos Vereadores de Goiânia e que os vereadores novatos na casa farão o mesmo. Segundo ele, os parlamentares firmaram o suporte a Andrey em reunião com o prefeito eleito Iris Rezende (PMDB).

“Estive em uma reunião com o prefeito Iris e cada um dos membros do G-18 comunicou ao prefeito que haviam confirmado apoio à sua administração e à candidatura de Andrey”, afirmou ele. Durante a conversa, conta Clécio, Iris teria sido avisado de que Wellington Peixoto (PMDB), que também queria o cargo, e os sete vereadores que o apoiavam estariam se dirigindo ao local para oficializar voto a Andrey.

A decisão pelo nome de Andrey se deu em outra reunião na noite de quinta-feira (29), no Hotel San Marino. Se a previsão de Clécio se confirmar e todos os vereadores novatos mantiverem sua palavra, Andrey será mesmo eleito o presidente da casa, tendo apoio de 27 dos 35 parlamentares. “Eu entendo que a partir dessa reunião, a eleição se define”, disse Clécio.

Sobre quem será o vice de Andrey, no entanto, Clécio afirmou não ter informações. Segundo ele, esse nome ainda não foi definido. Questionado se pretendia disputar o cargo, ele negou ter intenção de fazê-lo. “No que diz respeito a mim, quero trabalhar e construir uma Câmara que escute a população”, disse. “E para isso, fui o primeiro a abrir mão e apoiar o Andrey no sentido de construir uma unidade com o nosso partido e com os outros partidos que estarão compondo conosco”, lembrou o vereador.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.