Chuva chega a Goiás no final de semana, mas não afastará seca

Segundo gerente do Centro de Informações Meteorológicas e Hidrológicas do Estado de Goiás, chuva contínua é prevista somente a partir da segunda quinzena de outubro

Calor e seca perduram em Goiás. | Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

A defesa civil fez alerta para risco de raios, chuvas intensas e vendavais, previstos para a partir da próxima quarta-feira (22), em Goiânia. Apesar da previsão, o Centro de Informações Meteorológicas e Hidrológicas do Estado de Goiás (Cimehgo) informou que a chuva não virá para ficar, e a seca continuará sobre o estado.

A previsão é que chova no próximo final de semana (25 e 26/9). No entanto a chuva contínua está prevista somente para a segunda quinzena de outubro. A informação foi dada pelo gerente do Cimehgo, que enfatizou o período de estiagem em Goiás. “Estamos em um viés de seca. Se não contássemos essas chuvas intermediárias que tivemos, estaríamos com 140 dias sem chuva. Não resolve, mas ajuda”, analisou André Amorim.

A chuva prevista para os próximos sábado e domingo será um pouco mais intensa do que as que atingiram Goiás nos últimos dias. No entanto somente será possível precisar os dados na sexta-feira (24). “(A chuva) não vem para ficar, são pancadas. Vai dar uma quebra na massa de ar seco e quente, que cobre boa parte do país, mas o calor e a seca vão continuar”, disse o gerente da Cimehgo.

Para André Amorim, é preciso conscientização no uso de água e cuidados com a saúde. O gerente da Cimehgo apontou que a tendência para os próximos anos é o prolongamento desses períodos de estiagem. “Nossos períodos secos estão ficando mais prolongados. Ano que vem, vamos passar pelo mesmo problema. Nós temos que melhorar, não só o estado, mas todo mundo”, analisou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.