China aprova controversa lei de segurança nacional para Hong Kong, diz imprensa

Oposição pró-democracia na ex-colônia britânica, países do G7 e União Europeia (UE) consideram que essa lei é um ataque à autonomia e às liberdades do território

Hong Kong teve manifestações em massa contra o governo (acusado de ser pró-Pequim) no ano passado. Foto: Reprodução.

De acordo com veículos chineses Now TV, RTHK e “South China Morning Post”, o parlamento chinês aprovou nesta terça-feira, 30, a controversa lei de segurança nacional para Hong Kong. A decisão aumenta o medo de conflitos políticos na ex-colônia britânica. O governo da China ainda não confirmou lei.

A medida tem o intuito de reprimir “separatismo”, “terrorismo”, “subversão” e “conluio com forças externas e estrangeiras”.

Oposição pró-democracia em Hong Kong, países do G7 e União Europeia (UE) consideram que essa lei é um ataque à autonomia e às liberdades do território

O suposto objetivo de Pequim é restaurar a estabilidade na ex-colônia britânica, que foi palco de manifestações em massa contra o governo (acusado de ser pró-Pequim) no ano passado.

No entanto, existe o medo de que ela seja usada para silenciar a dissidência e acabar com a semi-autonomia e as liberdades do povo de Hong Kong.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.