Centro de Tratamento de Câncer será instalado em Goiás, garante Caiado

Localizado no Residencial Barravento, em Goiânia, terreno de 136 mil metros quadrados foi doado pela Embrapa

Segundo Caiado, centro de tratamento será um dos maiores do país| Foto: Divulgação/Governo de Goiás

Na manhã desta quinta-feira, 25, o governador Ronaldo Caiado visitou o terreno doado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) ao Estado de Goiás. Antes utilizado para pesquisas voltadas ao agronegócio, a área de 136 mil metros quadrados irá abrigar um Centro de Tratamento de Câncer, que, segundo Caiado, será um dos maiores do país. 

Para Fernando Magela, chefe em exercício da Embrapa Arroz e Feijão, a doação do terreno para a construção do hospital é uma retribuição para a população. Segundo Magela, tanto a empresa, como o Ministério da Agricultura e o governo federal, têm um papel importante com a população, especialmente neste momento que o país vive.

O centro de tratamento irá abrigar um amplo e equipado complexo de tratamento para os pacientes. A unidade contará com espaços para internação, ambulatório, recuperação, quimioterapia, radioterapia, cirurgia, parte robótica, leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI), e também áreas reservadas para familiares onde as crianças estão em tratamento, que moram no interior. 

Com a confirmação da construção do Centro de Tratamento de Câncer, a partir de agora o governador irá iniciar negociações com o governo federal, parlamentares – para a destinação de emendas – empresários, produtores rurais e a sociedade para a instalação do complexo. 

Titular da Secretaria-Geral da Governadoria, Adriano da Rocha Lima garante que o centro será o maior complexo hospitalar para tratamento de câncer da América Latina. Segundo ele, a doação do terreno foi o primeiro passo para “garantir atendimento e tratamento médico-hospitalar de qualidade para toda população”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.