Celso de Mello decide antecipar aposentadoria do STF para outubro

Decano solicitou saída da Corte nesta sexta-feira, 25, e deve permanecer na Casa até 13 de outubro

O ministro Celso Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), solicitou nesta sexta-feira, 25, aposentadoria antecipada e deve deixar a Corte no dia 13 de outubro. 

Mello está no STF desde 1989, quando foi nomeado pelo então presidente José Sarney. O ministro se aposentaria compulsoriamente em 1º novembro ao completar 75 anos, idade máxima para manutenção de servidores públicos na ativa. 

Com a decisão pessoal de Celso de Mello, caberá ao presidente Jair Bolsonaro indicar um novo ministro para vaga. Antes de tomar posse, o indicado deverá ser aprovado pela Comissão de Constituição de Justiça do Senado e pelo plenário da Casa. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.