CEI da SMT terá primeira reunião com titular da pasta

Integrantes do colegiado terão encontro com o secretário Felisberto Tavares na tarde desta quinta-feira (30/3)

Os vereadores que integram a Comissão Especial de Inquérito (CEI) destinada a apurar irregularidades na Secretaria Municipal de Trânsito de Goiânia (SMT) se reúnem nesta quinta-feira (30/3), às 14 horas, com o titular da pasta, Felisberto Tavares, na sede da SMT.

“O objetivo é solicitar o apoio do secretário no fornecimento de documentos e informações importantes para o trabalho de investigação da CEI. Com as informações em mãos, poderemos trabalhar com mais eficiência, conseguir resultados concretos e acabar com a impunidade, melhorando a prestação de serviço para a população”, afirma o presidente da Comissão, vereador Elias Vaz (PSB).

Os vereadores também querem conhecer melhor a estrutura física da Secretaria. “Todos os membros da comissão precisam ver e comprovar o quadro de sucateamento da SMT”, destaca Elias. No mês passado, ele visitou o arquivo da Secretaria e encontrou uma situação caótica. Documentos, como recursos de multas, cópias de contratos e processos administrativos, ficam espalhados pelo chão, alguns rasgados.

A diligência será a primeira ação da CEI da SMT, instalada na última segunda-feira. Os vereadores têm inicialmente quatro meses para concluir a investigação, mas o trabalho pode ser prorrogado por mais 120 dias. Eles definiram que as reuniões ordinárias da Comissão serão realizadas sempre às segundas-feiras, às 8h30, na Câmara Municipal.

Os membros da CEI já aprovaram quatro requerimentos solicitando documentos à SMT: cópia de todos os contratos e notas fiscais referentes à Dataprom, a empresa responsável pela sincronização dos semáforos na capital; cópias do processo com a Trana/EIT, que operavam fotossensores em Goiânia; informações sobre a atual situação do processo licitatório vencido pela empresa gaúcha Eliseu Kopp para instalação e manutenção de fotossensores e relatório do número de servidores da SMT que estão à disposição em outros órgãos, deixando de atuar como agentes de trânsito.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.