Casos de dengue recuam 17% no Estado de Goiás

Nenhum município goiano aponta alto risco para a doença e apenas 10 possuem médio risco. Confira ranking das cidades do Estado com maior número de casos

 Foto: Claudio Fachel/Palácio Piratini/Fotos Públicas

Foto: Claudio Fachel/Palácio Piratini/Fotos Públicas

O último boletim epidemiológico da dengue divulgado na última sexta-feira (15/7) pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) mostra queda de 17,57% no número de casos da doença registrados entre os dias 3 de janeiro de 2016 e 9 de julho de 2016. No ano passado, foram apontados 95.700 casos de dengue em Goiás no período, contra 50.693, este ano.

Conforme o boletim, nenhum município goiano aponta alto risco para dengue, apenas dez possuem médio risco e 236 estão com baixo risco. Quatro municípios, que na semana anterior estavam com médio risco, agora assumiram a posição de baixo risco. (Veja abaixo ranking das cidades com maior número de casos)

De acordo com técnicos da SES, a queda do número de casos foi antecipada desde o início de março devido à ação “Goiás Contra o Aedes”. A operação consiste em ações de limpeza urbana para retirada dos focos e visitas domiciliares de casa em casa, nos 246 municípios goianos.

O trabalho, que está em execução desde dezembro do ano passado, em parceria com o Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás e prefeituras, já visitou mais de 9 milhões de residências goianas. (Com informações do Goiás Agora)

Veja o ranking das cidades goianas com o maior número de casos:

Goiânia: 56.284
Anápolis: 14.238
Aparecida de Goiânia: 10.454
Rio Verde: 7.014
Luziânia: 5.803
Formosa: 3.274
Goianira: 2.615
Trindade: 1.791
Jataí: 1.503
Santo Antônio: 1.499

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.