Caso Danilo: suspeito leva policiais a suposta arma do crime

Pedaço de madeira foi apreendido em construção no fundo da casa de pastor que abrigou investigado

Hian Alves de Oliveira | Foto: Reprodução /PCGO

O suspeito de participação no assassinato do menino Danilo, de 7 anos, Hian Alves de Oliveira esteve na manhã desta segunda-feira, 3, acompanhado de policiais da Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH), no local em que teria deixado a arma usada no crime.

Segundo a Polícia Civil de Goiás, o pedaço de madeira foi apontado pelo autor em uma obra de construção onde o investigado trabalhava, localizada no fundo da casa do pastor que abrigou o investigado. O material foi apreendido e passará por perícia.

Hian Alves de Oliveira e Reginaldo Lima Santos, padrasto da criança, cumprem prisão preventiva na Delegacia de Capturas. Eles são suspeitos de praticarem os crimes de ocultação de cadáver em conexão com homicídio qualificado. Veja no vídeo o momento em que Hian aponta o material supostamente usado para cometer o crime:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.