Câmara Municipal aprova absorvente higiênico como item da cesta básica

Projeto de autoria da vereadora Dra. Cristina propõe acesso ao item de higiene e combate às infecções causadas por uso de materiais inadequados

Em Goiânia, Câmara combate à pobreza menstrual com a inclusão de absorventes higiênicos | Foto: Reprodução / Tupi FM

A Câmara Municipal de Goiânia aprovou o projeto de lei nº89/2020 em último turno. O texto de autoria da vereadora Dra Cristina, inclui o absorvente higiênico feminino como item obrigatório entre os produtos que compõem a cesta básica.

Como justificativa para a proposta, está o combate à pobreza menstrual, que consiste na dificuldade da população feminina em acessar absorventes higiênicos e o uso de materiais inadequados como substitutos dos mesmos. O projeto de lei nº 89/2020 alerta para o risco de infecções causadas pelo mal uso desses materiais (jornais, tecidos, papeis higiênicos, dentre outros) e pela infrequência de troca dos absorventes.

Dra Cristina afirma que a ideia surgiu a partir de audiências públicas com mulheres, lideranças de bairros e com movimentos da população em situação de rua, em que foi constatada a necessidade de se incluir o item de higiene na cesta básica.

“Uma mulher menstruada, sem acesso a absorvente, se coloca em uma situação constrangedora e humanamente indigna. Portanto, para as mulheres em situação de miserabilidade, o absorvente se torna item de necessidade básica”, destaca a vereadora.

O recurso financeiro para prestar esse auxílio sairá da Secretaria Municipal de Assistência Social de Goiânia (Semas), assim como os demais itens que compõem a cesta básica. Todas as mulheres que já recebem o benefício poderão acessar o absorvente higiênico. Dra Cristina ainda disse que espera que seu exemplo seja seguido por outros entes que distribuem cestas básicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.