Câmara disponibiliza recursos do Fundo Legislativo à Prefeitura para enfrentamento do coronavírus

Presidente Romário Policarpo e líder do prefeito, Welington Peixoto, discutem com secretários municipais uso de recursos para implantação de Centro de Triagem de pacientes

Presidente da Câmara e prefeito de Goiânia| Foto: Reprodução

O presidente da Câmara de Goiânia, Romário Policarpo (Patriota), comunicou nesta quinta-feira, 19, à Prefeitura que os recursos do Fundo Legislativo estão à disposição da administração municipal para o reforço das medidas de enfrentamento do novo coronavírus. Em teleconferência com os secretários Fátima Mrue (Saúde), Alessandro Melo da Silva (Finanças) e Samuel Belchior (Coordenação de Obras), Policarpo e o líder do prefeito, Welington Peixoto (MDB), sugeriram que os recursos do Legislativo sejam empregados na implantação do Centro de Triagem de pacientes com os sintomas do novo coronavírus.

Na reunião virtual, os secretários municipais respaldaram a proposta e já discutiram com Policarpo e Welington as primeiras providências para a implantação do Centro de Triagem. A meta é fazer uma unidade com salas modulares, que, posteriormente, poderá ser convertida em um Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI). A implantação das instalações, disse Policarpo, deve demandar investimento de R$ 6 milhões e poderá ficar pronta em até 20 dias.

“Já colocamos esses recursos integralmente à disposição da Prefeitura”, disse Policarpo. No ano passado, a Casa criou o chamado Fundo de Apoio Legislativo, destinado ao depósito da parcela do duodécimo (participação nas receitas do município) não utilizada nas despesas correntes.

“A necessidade mais do que urgente de aporte de recursos para o enfrentamento da pandemia do coronavírus requer uma resposta de todos os Poderes”, afirma Policarpo. “O fundo criado pela Câmara de Goiânia pode ser utilizado justamente nessas ações de enfrentamento. A economia de recursos feita por esta gestão será revertida em benefício da saúde pública da capital”, diz Welington.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.