Câmara de Goiânia retoma atividades presenciais nesta quarta

Com vereadores cumprindo isolamento após diagnóstico de Covid-19, sessões não terão 100% de presença

O presidente da Câmara Municipal de Goiânia, Romário Policarpo (Patriota), afirmou que, a partir de desta quarta-feira, as sessões da Casa serão totalmente presenciais. No entanto, nem todos os vereadores irão participar dos trabalhos já que os parlamentares Gustavo Cruvinel e Felisberto Tavares cumprem isolamento após terem sido diagnosticados com Covid-19.

No início de junho, a Câmara fez uma ampla testagem de Covid-19 entre servidores, estagiários e terceirizados que não pertencem ao chamado grupo de risco e estavam em atividades presenciais ou remotas. Dos 845 testes realizados, 53 apontaram carga viral ativa para o novo coronavírus e outros 42 indicaram anticorpos para a infecção (casos já curados).

Com o avanço da pandemia e consequentemente, maior número de casos, a Casa irá adotar as seguintes medidas de segurança para conter a proliferação do coronavírus (Covid-19): medição de temperatura, máscara, álcool em gel, oferta de testes sorológicos para servidores e isolamento para quem apresentar sintomas. A partir de amanhã até o dia 31 de julho, o expediente da Casa será das 7h às 13h.

A retomada dos trabalhos presenciais acontece após o Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO) recomendar a suspensão da tramitação do Plano Diretor. O órgão alegou que, por conta dos trabalhos estarem sendo realizados de forma remota durante a pandemia, a participação popular ficaria prejudicada. Neste contexto, o retorno às atividades presenciais garante a tramitação da matéria de interesse do Paço e de grande parte dos parlamentares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.