Calheiros e Cunha recebem governadores para debater pacto federativo

Temas como repasse de verbas, divisão de receitas e segurança pública foram discutidos. Governador Marconi Perillo marcou presença

Governador Marconi Perillo foi um dos presentes | Foto: Divulgação

Governador Marconi Perillo foi um dos presentes | Foto: Divulgação

Bruna Aidar

Os presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado, respectivamente Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e Renan Calheiros (PMDB-AL), receberam, nesta quarta-feira (20), governadores de todo o país. O objetivo da reunião era discutir propostas ligadas ao Pacto Federativo e soluções para driblar a crise econômica.

O governador Marconi Perillo (PSDB) esteve presente e falou sobre o ajuste fiscal realizado em Goiás, que reduziu secretarias e cortou o número de comissionados. O tucano ainda criticou a divisão das receitas do país: “Há muitos anos nós cobramos mudanças no pacto federativo, já que a União concentra 70% das receitas do país, cabendo aos estados e municípios receita inferior a 30%”.

Marconi também defendeu linhas de investimentos nos Estados. O governador também ressaltou que a criação de um novo Pacto Federativo é benéfica não só para as várias esferas da administração, mas principalmente para a sociedade. A agenda conjunta da Câmera e do Senado com propostas sobre o Pacto deve ser uma das consequências do encontro.

Outro tema  bastante comentado foi Segurança Pública. Calheiros ressaltou que irá cobrar da presidente Dilma Rousseff que cumpra a promessa feita na campanha eleitoral de 2014 de ajudar os Estados nessa questão. “O governo tem que rapidamente decidir o que vai fazer em relação a isso porque os estados já não aguentam mais todas essas atribuições”, disse.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.