Caldas Novas já tem plano de flexibilização gradativa de reabertura do comércio

Apesar disso, Magal garante que vigência do decreto municipal será respeitada: “prioridade no momento é preservar vidas” 

Foto: Reprodução

O prefeito de Caldas Novas, Evandro Magal, já tem pronto um plano de flexibilização gradativa de reabertura do comércio. Porém, o gestor garante que isso não ocorrerá antes do dia 19 de abril, data que se encerra o decreto estadual. O anúncio foi feito nesta segunda-feira, 13, pelo prefeito e pela diretora de Vigilância Epidemiológica, Dra. Gislene Cotian.

Segundo Magal, a prioridade no momento é “preservar vidas” e por isso, optou pela manutenção do isolamento social por mais uns dias. “O Decreto Municipal que restringiu o funcionamento do comércio até dia 19 de abril não será revogado antes do prazo, com isso, atividades não essenciais seguem fechadas”, garantiu.

A decisão foi tomada após reunião realizada entre a Prefeitura e o Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19, após solicitações da Câmara Municipal, entidades do comércio, representantes classistas e população.

Na ocasião, o Comitê recomendou que o município aguarde novas orientações do Ministério da Saúde e uma flexibilização maior por parte do governo estadual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.