Caiado disse contar com parceria do Ministério da Cidadania para manutenção do Fica

“Ontem estivemos com Osmar Terra [ministro]. Estamos confiantes que vamos ser acolhidos por um valor significativo”, disse

Foto: Divulgação

Em dia de comemorações pelos 130 anos do nascimento da poetiza goiana Cora Coralina, na cidade de Goiás, o governador Ronaldo Caiado (DEM) falou sobre a cultura no Estado, entre outras coisas, do Festival Internacional de Cinema Ambiental (Fica).

Segundo ele, há esforços junto ao Ministério da Cidadania, onde acredita que trará recursos para manutenção do festival. “Ontem estivemos Osmar Terra [ministro]. Estamos confiantes que vamos ser acolhidos por um valor significativo”, afirmou.  

A realização do Fica 2019 ainda é uma incógnita. O festival costuma ser realizado em junho, mas ainda não teve sinalização para este ano. O Governo afirma que as dívidas da edição do ano passado têm empacado.

Cora Coralina

Já em relação à homenagem à poetiza, Caiado destacou a importância da goiana a nível mundial e relembrou o decreto que oficializa a partir desta semana o Ano Cultural Cora Coralina, homenagem que se estende até agosto do próximo ano.

“É uma figura que é imortal. Cora Coralina é conhecida não só nacionalmente, é conhecida no mundo inteiro. Fiz questão de aqui estar”, disse Caiado.

Em coletiva, o governador destacou ainda aspectos econômicos que podem ser movimentados a partir do turismo motivado pela história de Cora.

Caiado afirmou que há esforços para estruturar melhorias no Caminho de Cora Coralina, percurso turístico que liga a cidade de Goiás a Corumbá. No percurso, turistas passam por obras naturais, como cachoeiras e históricas, como igrejinhas que resistem há séculos de história. “Cora coralina soube realçar tudo isso na história nacional”, destacou.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.