Caiado anuncia promoção de 2 mil PMs para 1ª classe, com salários de R$ 6,3 mil

Militares que em março de 2019 saíram da 3ª para a 2ª classe, agora serão novamente promovidos

O Governo de Goiás anunciou neste domingo, 27, que irá promover 1.985 Policiais Militares no final deste ano. A promoção ocorre pouco mais de um ano depois do governo extinguir a 3ª classe, agora promovendo o grupo para a 1ª classe de forma automática.

A promoção será efetivada no mês de dezembro, sem necessidade do Teste de Aptidão Profissional (TAP), informa o governo. Conforme explica o Executivo Estadual, isso significa que a parcela da tropa que recebia salário de R$ 1,5 mil, passou a ter rendimentos de R$ 5,7 mil e, com a nova mudança, receberá R$ 6,3 mil.

“Fizemos as progressões e toda uma política também para mostrar a importância de nossas forças policiais. Hoje, a segurança pública do Estado de Goiás é reconhecida e ocupa o primeiro lugar no país, conforme atesta o próprio ministro da Justiça, André Mendonça”, declarou o governador Ronaldo Caiado (DEM) durante live transmitida por suas redes sociais.

Rito de transição

Com as ações do governador Ronaldo Caiado, o tempo de promoção também foi reduzido, afirma o governo. No rito tradicional, os militares chegariam à 1ª classe em cinco anos, o que foi reduzido, com o fim da 3ª classe.

“Esses soldados são os que estão na linha de frente, que estão nas unidades operacionais. São da última turma. É muito bom tê-los motivados para dar o retorno que a sociedade tem vivenciado, que é uma redução histórica dos índices de criminalidade”, declara o comandante-geral da Polícia Militar do Estado de Goiás, coronel Renato Brum.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.