Caiado entrará com representações contra Marconi Perillo por abuso de poder e improbidade administrativa

*Colaborou Marcelo Gouveia

O deputado acusa Marconi de estar utilizando a estrutura da administração do Estado para garantir que prefeitos se aliem a ele nas eleições de Outubro

Magda Mofatto contou que em conversas com Ronaldo Caiado o democrata demonstra imensa vontade de ser eleito senador, mas que o político realmente não dá sinais de qual rumo deverá seguir / Foto: Fernando Leite - Jornal Opção

Foto: Fernando Leite – Jornal Opção

O deputado federal Ronaldo Caiado (DEM) disse nesta quinta-feira (19/6) que entrará com representações contra o governo estadual por improbidade administrativa. Caiado já havia feito a acusação na quarta-feira (18/6), quando confirmou oficialmente aliança com Iris Rezende (PMDB). Segundo o democrata, o governador Marconi Perillo (PSDB) está utilizando a estrutura da administração do Estado para garantir que prefeitos se aliem a ele nas eleições de outubro, em troca de liberação de convênios e recursos para as cidades que esses prefeitos administram.

Durante o evento que confirmou a composição da chapa majoritária do PMDB, foi ouvido o áudio de uma entrevista gravada com o prefeito do município de Goiatuba, Fernando Vasconcelos (PMDB). O peemedebista é um dos 13 prefeitos da sigla que resolveram apoiar Marconi. Na gravação, ele sugere concessão de recursos por parte do Estado após o apoio político declarado. Logo depois, Caiado discursou condenando o episódio e afirmou que “o mesmo acontece com os prefeitos do DEM”. “Isso é o que existe de mais retrógrado. Usar a máquina de governo para querer calar as pessoas e sufocar as lideranças. Isso é crime eleitoral.”

Caso as acusações levantadas por Caiado sejam confirmadas, Marconi deve amargar dificuldades no pleito deste ano, podendo ser acusado de “crime eleitoral”. O presidente da Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop), Jayme Rincón, responsável pela liberação de recursos aos municípios, comentou nesta quarta-feira, durante inauguração dos viadutos nas saídas das GOs 060 e 070, que Iris montou sua chapa a partir do que “sobrou” da base aliada.

As mesmas acusações de Caiado já haviam sido feitas pelo prefeito de Goiânia, Paulo Garcia (PT), que vem sofrendo com a crise financeira da capital. Diante das dificuldades financeiras  de Goiânia, o líder tucano prometeu o repasse de recursos para a aquisição de novos caminhões compactadores. O prefeito, no entanto, afirmou no último dia 11, em pronunciamento, que o recurso não havia saído. Na oportunidade, Jayme Rincón respondeu que fora Paulo Garcia que não havia assinado os papéis necessários para viabilizar os recursos.

Caiado informou que protocolará as representações na próxima semana na Procuradoria Regional Eleitoral em Goiás (PRE-GO) e no Ministério Público de Goiás (MP-GO). Antes do democrata fechar com Iris, o PSDB nacional tentava articular uma composição com Caiado na chapa de Marconi Perillo, mas este optou por Iris Rezende. Entre os motivos que o levaram a tomar esta decisão, estão as dificuldades em garantir seu nome na chapa governista como candidato ao Senado, vaga já definida para Vilmar Rocha (PSD).

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mary

falou tudo Caiado!!! Pois e isso que ele esta fazendo…