Brasileira é morta a tiros em cidade da Holanda

A polícia procura testemunhas ou imagens que possam ajudar a descobrir os culpados pelo assassinato de Luana Luz Xavier

Foto: reprodução / imagem divulgada pela polícia holandesa

Foto: reprodução / imagem divulgada pela polícia holandesa

Amanda Damasceno

A polícia da Holanda está em busca de qualquer imagem ou testemunhas que possam levar aos culpados pela morte da brasileira Luana Luz Xavier. Luana foi assassinada a tiros nesta segunda-feira (08/12). O socorro foi chamado, mas não foi possível reanimar a brasileira.

Segundo o jornal NL Times, o crime aconteceu às 19:30h, horário local. Após atirarem, os criminosos fugiram em um carro que foi encontrado em chamas momentos depois, não muito longe da cena do crime. O grupo de quatro ou cinco rapazes abandonou o veículo e completou a fuga em outro automóvel.

Os policiais anunciaram que qualquer pessoa que tenha imagens que podem estar ligadas ao assassinato deve entrar em contato.  As autoridades também pediram vídeos de câmaras de segurança de residências ou estabelecimentos perto de onde o crime ocorreu.

As primeiras imagens que chegaram à polícia mostram um veículo passando lentamente na rua pouco antes do tiroteio. O vídeo também mostrou outro carro e um ciclista passando alguns momentos depois dos tiros. Essas pessoas são testemunhas potenciais e devem entrar em contato com a polícia, segundo a reportagem.

O jornal holandês afirmou que Luana namorava  Najib “Ziggy” H., que está envolvido em várias acusações de assassinatos, embora não haja provas suficientes que o liguem a qualquer um dos crimes. De acordo com o NL Times, Luana é acusada de atrair um ex-membro da gangue de seu namorado para uma emboscada planejada por Ziggy.

A polícia holandesa disse acreditar que o assassinato tem ligação com rixas entre criminosos da cidade de Amstelveen, que faz parte da região metropolitana de Amsterdã . A brasileira estava acompanhada de seus filhos na hora do crime.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.