Os dois candidatos que participaram do primeiro pleito, Fernando Luís (PMDB) e Adair Henriques (PSDB), não puderam assumir o cargo por terem candidaturas cassadas 

(Foto: Elza Fiúza/ABr)
(Foto: Elza Fiúza/ABr)

Novas eleições para prefeitura da cidade de Bom Jesus de Goiás, a 239 km de Goiânia, serão realizadas no final deste ano, pondo fim a um impasse que já dura quase dois anos. O novo pleito está marcado para o dia 7 de dezembro e terá o mesmo formato de uma eleição normal.

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), a data foi escolhida para que os novos candidatos tenham tempo para regularizações, campanhas e prestação de contas em geral. Segundo o assessor do órgão, Brazil Nunes, mais informações, como nome dos candidatos, número de seções e apuração, serão divulgadas na tarde desta quinta-feira (6/11).

Em 2012, o então prefeito, Adair Henriques (PSDB), que buscava reeleição, teve sua candidatura barrada pela Lei da Ficha Limpa por responder a um processo de improbidade administrativa. Já o candidato eleito na eleição daquele ano, o peemedebista Fernando Luís também foi impedido de assumir o cargo em 2013 por não ter se afastado da vice-presidência de uma rádio comunitária local.

Quem comanda o município ao Sul do Estado é a vereadora e presidente da Câmara Municipal, Marilda Alves (PDT).