Bolsonaro não deve se filiar ao Patriotas e já inicia conversas com outros partidos

Filiação estava prevista para o mês de março, mas não deve mais ocorrer. Saiba o porquê

Reprodução

De saída do PSC, o deputado federal e pré-candidato à presidência Jair Bolsonaro não deve se filiar ao PEN/Patriota, mesmo após ter assinado um compromisso de filiação para o mês de março. As informações são do jornal “Folha de S. Paulo”.

Segundo a publicação, Bolsonaro deve anunciar que não será mais pré-candidato pelo partido até o dia 5 de janeiro. A mudança de planos teria ocorrido porque o presidente da sigla, Adilson Barroso, não teria cumprido com a sua palavra de ceder o controle do partido em Estados-chave para o grupo do parlamentar.

Com o Patriotas fora de questão, deputado já teria iniciado conversas com o PSL/Livres e o PR. Nenhum dos dois partidos, entretanto, confirma as tratativas.

Deixe um comentário