Bolsonaro convida Temer para liderar missão de apoio ao Líbano

Ex-presidente se pronunciou por meio de nota onde garantiu que assim que o ato for publicado no Diário Oficial serão tomadas todas as medidas necessárias para viabilizar a tarefa

Ex-presidente da República, Michel Temer | Foto: César Itiberê/PR

O presidente Jair Bolsonaro disse, na manhã deste domingo, que convidou o ex-presidente da República, Michel Temer, para chefiar uma missão brasileira de apoio ao Líbano. Um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) partirá nos próximos dias em direção ao local da explosão que resultou na morte de mais de 150 pessoas e deixou mais de 6 mil feridos, em Beirute.

“Nesse momento difícil, o Brasil não foge a sua responsabilidade”. Em outro trecho, Bolsonaro declarou que “tudo o que afeta o Líbano nos afeta como se fosse nosso próprio lar e nossa própria pátria”.

Quanto ao convite feito ao ex-presidente, disparou: “convidei como meu enviado especial e chefe desa missão o senhor Michel Temer, filho de libaneses e ex-presidente do Brasil”.

Temer, por sua vez, se pronunciou por meio de nota para repercutir o convite: “quando o ato for publicado no Diário Oficial serão tomadas todas as medidas necessárias para viabilizar a tarefa”.

Conforme mostrado pelo jornal Folha de S. Paulo o avião tende a levar insumos básicos de saúde. A aeronave da FAB tem capacidade de transporte superior a 20 toneladas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.