Bebê é internada no Hospital Materno Infantil com suspeita de H1N1

Estado de saúde da paciente de um ano e seis meses é grave

Após dar entrada no Cais Colina Azul, em Aparecida de Goiânia, nesta terça-feira (18) uma bebê de um ano e seis meses foi transferida, na tarde desta quarta-feira (19), para o Hospital Materno Infantil (HMI), na capital. Há suspeitas de que a criança esteja infectada com Influenza A/H1N1.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Aparecida, a paciente deu entrada no cais com com tosse, febre e falta de ar e iniciou o tratamento para Síndrome Respiratória Aguda Grave. Após isso, foi solicitado a transferência da paciente para unidade especializada.

Por meio de nota, o HMI informou que o estado de saúde da bebê é grave e que ela respira com a ajuda de aparelhos. “Não há previsão de alta”.

De acordo com o informe, a criança vai passar por exames clínicos e laboratoriais para confirmar ou descartar a possibilidade de Influenza A, seguindo os protocolos estabelecidos pelo Ministério da Saúde (MS). A unidade, porém, comunicou que devido a suspeita a criança já estava sendo medicada contra a doença. 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.