Base costura consenso em torno de nome para terceiro vice-presidente da atual Mesa Diretora

Diversas candidaturas podem favorecer eleição da Delegada Adriana Accorsi (PT)

Foto: Lívia Barbosa | Jornal Opção

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado De Goiás (Alego), Lissauer Vieira (PSB), falou sobre a eleição do terceiro vice-presidente da atual Mesa Diretora, que vai até o fim de 2020. Para Lissauer, a busca deve ser pelo consenso em torno de um nome do MDB. “O nosso compromisso lá atrás era com o MDB, e continua sendo”, disse.

“O deputado Paulo Cezar Martins não estava presente [na sessão], mas ele deve ter a intenção de disputar e se assim for vamos tentar um processo interno para isso”, afirmou o presidente da Alego.

A data para a eleição do mandato tampão ainda deve ser marcada pela Casa, mas segundo os parlamentares, deve ser realizada na terça-feira, 5. Segundo Vieira, a eleição não foi realizada na sessão extraordinária desta quarta-feira, 30, devido à grande quantidade de candidatos e à ausência do deputado Paulo Cezar, em viagem para o velório da prefeita de Doverlândia, Zildinha.

Candidatos 

Os deputados Paulo Cezar Martins (MDB), Wagner Camargo Neto (Pros) e Delegada Adriana Accorsi (PT) foram apresentados para o cargo, com posse imediata. Humberto Aidar (MDB) também apresentou seu próprio nome, mas recuou da candidatura já que, se eleito, teria que deixar a presidência da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ).

Agora, a base articula para o consenso em torno de um único nome que possa ter força para ser eleito com folga. Segundo parlamentares ouvidos pela reportagem, várias candidaturas acabam por favorecer a eleição da Delegada Adriana Accorsi (PT), que conta com o apoio da maioria dos parlamentares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.