Baldy pode ser elo entre o Ministério da Economia e o Congresso

Pré-candidato ao Senado por Goiás, o progressista pode assumir a função de Relações Institucionais do Ministério

O ministro da Economia, Paulo Guedes, vai promover uma grande mudança estrutural na sua equipe econômica nos próximos meses e entre os nomes ventilados está o do goiano Alexandre Baldy (PP), que pode surgir como um “político experiente” para melhorar a relação da pasta com o Congresso Nacional.

Baldy é pré-candidato ao Senado por Goiás, deve assumir a função de Relações Institucionais do Ministério da Economia, segundo informações do Portal UOL. Sua missao será manter uma agenda econômica no Congresso, com a ambição de auxiliar o processo eleitoral.

O goiano também deve ser este elo entre o governo e o Congresso e também é um sinal para o partido, que pode ficar com a indicação da vice-presidência do presidente Jair Bolsonaro (PL). A indicação, caso se confirme, também é um aceno Guedes ao PP e atende também ao ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, que é presidente nacional da sigla e é bem próximo a Baldy.

Pré-candidato ao Senado por Goiás, o progressista é ex-ministro das cidades durante o governo Michel Temer (MDB) e ex-secretário estadual dos Transportes Metropolitanos de São Paulo. Ele tenta viabilizar a sua candidatura ao Senado pela chapa majoritária do governador Ronaldo Caiado (DEM).

Caso aceite a indicação, o goiano terá quatro meses para trabalhar na pasta, ou desistirá da sua candidatura ao Senado, porque precisa se desincompatibilizar do cargo para concorrer a um cargo eletivo. A redação do Jornal Opção não conseguiu uma resposta de Baldy até o fechamento desta edição. O espaço continua aberto.

* Com informações do Portal UOL.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.