Áudio: Bolsonaro pede a caminhoneiros fim de protestos nas rodovias – “atrapalham nossa economia”

Categoria se mobilizou em defesa do presidente e radicalizou posição pela destituição dos ministros do STF, motivo da manifestação nas estradas

Depois da “festa cívica” do dia 7 de setembro, segundo palavras do procurador-geral da República, Augusto Aras, parece que a ressaca chegou. Sem aparente ligação com seus sindicatos, caminhoneiros estão paralisando, parcial ou totalmente, rodovias pelo País.

O que poderia ser algo para Jair Bolsonaro (sem partido) considerar positivo não está surtindo o efeito no presidente.

Nesta noite de quarta-feira, 8, vazou um áudio – cuja autenticidade foi confirmada pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, em vídeo gravado – no qual Bolsonaro pede para que o movimento em seu favor seja interrompido.

Ouça o áudio abaixo:

A situação da economia não está das melhores e vem afetando a popularidade do presidente, em campanha aberta pela reeleição.

Como ocorreu no caso das restrições impostas por governadores e prefeitos, Bolsonaro volta a entrar em pânico com as consequências terríveis de um eventual desabastecimento causado pela paralisação provocada por seus apoiadores.

Na pauta dos manifestantes, como condição para encerrar o movimento e liberar o tráfego nas rodovias, está nada menos que a destituição de todos os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

A noite promete ser longa para Bolsonaro. E a quinta-feira, também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.