Audiência pública vai discutir soluções para crise enfrentada pelo Imas

Instituto enfrenta dificuldade financeira com atrasos nos pagamentos de prestadores de serviços que decidiram paralisar atendimentos pelo convênio durante toda essa semana

A situação atual do Instituto de Assistência à Saúde e Social dos Servidores Municipais (IMAS) será tema de uma audiência pública a ser realizada na próxima segunda-feira (3/2) na sala de Comissões da Câmara Municipal de Goiânia.

O instituto enfrenta grave crise financeira com atrasos nos pagamentos de prestadores de serviços que decidiram, na última sexta-feira (23/2), paralisar os atendimentos pelo convênio durante toda essa semana.

A proposta da audiência é do vereador Elias Vaz (PSB) que defende um debate acerca do sistema de administração do instituto.

“O problema do Imas é um verdadeiro ciclo vicioso. Por um lado a irresponsabilidade da prefeitura em não fazer os repasses e por outro, da administração do instituto, que é indicada pelo prefeito, em não denunciar e acionar o paço na justiça”.

De acordo com Elias, as falhas na administração do convênio aconteciam na gestão do então prefeito Paulo de Garcia e continuam até os dias de hoje.

Ipasgo

Em entrevista à rádio Sagres 730 AM na manhã desta terça-feira (27/2), o prefeito Iris Rezende afirmou que estuda entregar a gestão do Imas para o Ipasgo, plano de saúde dos servidores estaduais.

“Pra mim isso é uma novidade e não pode ser feito sem discutir antes com os servidores. Precisamos saber em que condições isso será feito, não adianta trocar seis por meia dúzia. É preciso encontrar algo que resolva de verdade o problema do Imas”, analisa Elias.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.