Ato com máscaras em Copacabana pede fim da corrupção e reforma política

Os objetos simbolizavam os deputados, senadores e o presidente Michel Temer

foto: Akemi Nitahara/Agência Brasil

Na manhã deste sábado (27/5), 595 máscaras foram colocadas nas areias da Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, pela organização não-governamental (ONG) Rio de Paz, para simbolizar os 513 deputados, 81 senadores e o presidente Michel Temer. Ao lado havia duas faixas, pedindo a reforma política e a renúncia do presidente da República.

De acordo com o presidente da ONG, Antônio Carlos Costa, as máscaras pintadas de vermelho representam a vergonha que os políticos deveriam ter da atual situação do país. Do total, 95 máscaras são brancas, para simbolizar a parcela de políticos íntegros.

Sobre a reforma política, a ONG considera importante mecanismos que “dificultem a ascensão ao poder de corruptos e incompetentes”, como diminuição do número de partidos políticos, fim do “puxador de voto” e a cláusula de barreira para que não tenha “partido sem representante e sem voto recebendo dinheiro público para a campanha”. (Com informações da Agência Brasil)

 

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.