Assessoria de Aécio afirma que voos oficiais feitos por celebridades foram investimento

Nota enviada ao Jornal Opção explicou motivos das viagens feitas por Luciano Huck, Sandy e Junior e outras figuras públicas utilizando aeronaves do Estado

Foto: Omar Freire / Imprensa MG

Foto: Omar Freire / Imprensa MG

A assessoria do senador e ex-governador de Minas Gerais Aécio Neves (PSDB) enviou ao Jornal Opção uma nota em resposta a texto veiculada no último domingo (8/11) sobre a utilização de aeronaves do Estado de Minas por celebridades durante o governo do ex-presidenciável, entre 2003 e 2010. A matéria foi apuração do jornal Folha de S. Paulo.

Em nota, a assessoria informou que não há obrigatoriedade do governador estar a bordo dos voos feitos em aeronaves oficiais, sendo que tucano poderia atender a demandas apresentadas que estivessem dentro dos interesses do Estado. Ainda, a assessoria garante que a Folha não mencionou os esclarecimentos do ex-chefe do Gabinete Militar sobre a legalidade do uso das aeronaves.

Sobre o apresentador Luciano Huck e a então dupla Sandy e Júnior, a assessoria do senador garantiu que a viagem foi feita durante a gravação de um programa na Estrada Real, que na época era um dos projetos estruturadores do Estado na área de turismo. Então, o grupo foi respaldado para promover atrações turísticas de Minas.

A Folha de S. Paulo mostrou ainda que também utilizaram o avião do governo os atores José Wilker e Milton Gonçalves, além do próprio ex­-executivo da rede Globo, José Bonifácio de Oliveira Sobrinho — o Boni.

Além deles, o então presidente do grupo Abril, Roberto Civita, sua esposa, Maria Antônia, o ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) Ricardo Teixeira usaram o helicóptero do governo, sendo que este último utilizou o meio de transporte por três vezes, e os jatos para voos a São Paulo e Rio de Janeiro outras três vezes.

A assessoria do senador garantiu que Ricardo Teixeira viajou a Minas para agendas de trabalho em torno da Copa do Mundo; Boni foi ao Estado a convite do governo para colaborar na definição de diretrizes para a TV Minas; a visita de Roberto Civita teve como objetivo divulgar o Museu de Arte Contemporânea ao empresário de comunicação; e, por fim,  José Wilker e Milton Gonçalves foram ao Estado como convidados oficiais em evento do Ministério Público.

Confira a nota na íntegra:

Sobre a matéria publicada neste portal, informamos que não há obrigatoriedade do governador estar a bordo nos deslocamentos feitos em aeronaves oficiais. O decreto em vigor não restringe o uso das aeronaves ao transporte do governador, prevendo o atendimento de demandas por ele apresentadas dentro dos interesses do Estado.

Lamentavelmente a Folha de S.Paulo não mencionou os esclarecimentos do ex-chefe do Gabinete Militar, autor da Resolução que normatiza o uso de aeronaves no Estado, sobre a legalidade do uso das mesmas no transporte de autoridades e convidados do Estado. Todos os voos atenderam a interesses do Estado.

Em relação ao apresentador Luciano Huck e a dupla Sandy e Junior, eles viajaram a Minas para gravação de programa na Estrada Real, à época um dos projetos estruturadores do Estado na área de turismo. Receberam do governo de Minas apoio logístico, a exemplo do que ocorre em estados, municípios e no governo federal para promoção de atrações turísticas. O programa foi veiculado pela Rede Globo, tendo sido uma das divulgações da Estrada Real de maior alcance.

Ricardo Teixeira viajou a Minas como presidente da CBF para agendas de trabalho em torno da realização de jogos da Copa do Mundo em Belo Horizonte.

O empresário José Bonifácio Oliveira Sobrinho esteve a convite do governo de Minas que solicitou sua colaboração na definição de diretrizes para a TV Minas, visando o fortalecimento técnico e de programação da emissora.

O transporte do ex-presidente do Grupo Abril Roberto Civita, entre BH e Inhotim, na Região Metropolitana, atendeu o objetivo de divulgar o Museu de Arte Contemporânea apresentando-o a um dos maiores empresários de comunicação do país, responsável por diversas publicações de alcance nacional, entre outras de conteúdo cultural.

Os atores José Wilker e Milton Gonçalves estavam em agenda pública como convidados oficiais de evento do Ministério Público.

Pedimos a gentileza da publicação desses esclarecimentos e permanecemos à disposição para mais informações.

Assessoria de Imprensa do senador Aécio Neves.

Abaixo, links do programa “Quebrando a Rotina”, do “Caldeirão do Huck”, feito com os cantores Sandy e Junior, enviados pela assessoria do senador:

Quebrando a Rotina com Sandy e Junior parte 1/7
Quebrando a Rotina com Sandy e Junior parte 2/7
Quebrando a Rotina com Sandy e Junior parte 3/7
Quebrando a Rotina com Sandy e Junior parte 4/7
Quebrando a Rotina com Sandy e Junior parte 5/7
Quebrando a Rotina com Sandy e Junior parte 6/7
Quebrando a Rotina com Sandy e Junior parte 7/7
Sandy & Junior-Vida de Marola (Quebrando a Rotina)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.