O repórter Jailton de Carvalho, de “O Globo”, relata que a Polícia Federal apreendeu na terça-feira, 7, no Aeroporto Internacional de Brasília, 116 mil reais em espécie com três pessoas. “Um dos detidos é um assessor do ministro das Cidades Gilberto Magalhães Occhi, que levava R$ 4 mil. Os outros dois homens estavam com o restante do dinheiro. Os três foram levados para prestar depoimento na Superintendência da PF.” Na verdade, Marcier Trombiere Moreira não trabalha no Ministério das Cidades desde julho deste ano. Ele estava na campanha de Fernando Pimentel, governador eleito de Minas Gerais.

Como de hábito, a Polícia Federal vai colher depoimentos de pessoas que dizem: “Eu não sabia de nada”. É a resposta padrão tanto de Lula da Silva quanto da presidente Dilma Rousseff.