Assembleia aprova Lei Orçamentária Anual em primeira votação

Placar foi de 33 votos favoráveis e nenhum contra. Matéria segue para segunda votação

Os deputados estaduais aprovaram em primeira votação, em sessão extraordinária na tarde desta segunda-feira, 25, a Lei Orçamentária (LOA) para 2021. O texto prevê receita total de R$ R$ 30.746.159.000. O placar foi de 33 votos favoráveis e nenhum contra. A matéria segue para segunda votação.

O projeto prevê despesa geral de R$ 34.573.136.000 e passou por uma revisão do governo após ser inicialmente enviada no final do ano passado, com valores diferentes. A Secretaria de Estado da Economia constatou que houve arrecadação maior que o previsto, a partir da retomada econômica com o relaxamento das medidas de isolamento social, e revisou o texto.

A matéria prevê emendas impositivas com acréscimo de R$ 100 mil para cada deputado. Assim, cada parlamentar terá direito a R$ 5,6 milhões de recursos no orçamento. Desse montante, 70% deverá ser direcionado, obrigatoriamente, à Saúde e à Educação. Os 30% restantes poderão ser aplicados em qualquer outra área à escolha do parlamentar.

O líder do governo Bruno Peixoto (MDB) pediu dois destaques sobre emendas destinadas à Universidade Estadual de Goiás (UEG), que foram rejeitadas em plenário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.