Após recomendação do MPF, Temer afasta vice-presidentes da Caixa por 15 dias

Palácio do Planalto informou que esse será o prazo para que eles apresentem defesa das acusações de que são alvo

O presidente Michel Temer determinou nesta terça-feira (16/1) o afastamento dos vice-presidentes da Caixa Econômica Federal (CEF) por um período de 15 dias.

Em nota, o Palácio do Planalto informou que esse será o prazo para que eles apresentem defesa das acusações de que são alvo. Entre os vice-presidentes há investigados em operações da Polícia Federal.

Temer deu a ordem ao ministro da Fazenda, Henrique Meirelles; e ao presidente da Caixa, Gilberto Occhi, para que procedam com os afastamentos.

A decisão do presidente foi anunciada após o Ministério Público Federal (MPF) de Brasília e o Banco Central recomendarem ao governo federal o afastamento dos vice-presidentes. Os pedidos foram apresentados em razão das suspeitas de irregularidades na Caixa. (Com Agência Brasil)

Deixe um comentário