Após parecer favorável a Cunha, STF encerra sessão

Presidente do Supremo Tribunal Federal, o ministro Ricardo Lewandowski concluiu os trabalho da Corte após a leitura do relatório por Edson Fachin

Presidente do STF, ministro Ricardo Lewandowski suspendeu a votação do relatório de Fachin - Foto: Carlos Humberto/SCO/STF (28/05/2015)

Presidente do STF, ministro Ricardo Lewandowski suspendeu a votação do relatório de Fachin – Foto: Carlos Humberto/SCO/STF (28/05/2015)

Após a leitura do relatório sobre o rito do processo de impeachment pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin na sessão desta quarta-feira (16/12), o presidente da Corte Ricardo Lewandowski encerrou a sessão sem iniciar a votação do parecer de Fachin.

Para o relator, o Supremo deve indeferir os pedidos cautelares e manter as decisões adotadas pelo presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha (PMDB-RJ) para abertura do processo de impeachment e a votação que formou a comissão especial na Casa.

A decisão ficou para a sessão desta quinta-feira (17).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.