Intercorrências foram registradas em Formosa, Goianira e Ceres. “A avaliação que fazemos de um modo geral é que essa é uma das eleições mais tranquilas que está acontecendo”, diz presidente do TRE

Urnas Eletrônicas | Foto divulgação/TRE-TO

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO), desembargador Leandro Crispim, avalia de forma positiva o andamento das eleições no estado até o momento. De acordo com o presidente, apenas três urnas eletrônicas tiveram problemas e precisaram ser trocadas em Goiás.

“A avaliação que fazemos de um modo geral é que essa é uma das eleições mais tranquilas que está acontecendo. Tivemos agora pela manhã apenas 10 intercorrências num universo de mais de 12,8 mil sessões eleitorais. Sendo que só tivemos que trocar três urnas eletrônicas. É inexpressivo o número de problemas que aconteceram, a eleição está sendo totalmente tranquila”, afirmou.

O presidente comentou sobre um problema de falta de acessibilidade a um eleitor cadeirante no Colégio Visão, na capital. “Infelizmente o que ocorreu nessa escola é que o elevador estava funcionando normalmente ontem, mas agora de manhã ele estava desligado. Devido a essa circunstancia ocoreu esse contratempo”.

Leandro Crispim também tranquilizou os eleitores que estão enfrentando dificuldades para justificar o voto por meio do aplicativo e-titulo. ” O que pode estar ocorrendo é uma sobrecarga que está gerando essa demora, peço aos eleitores que tenham um pouco de paciência que isso já está sendo corrigido. Eles poderão utilizar aquele prazo, nós já estamos ciente do que está ocorrendo e poderão justificar posteriormente”, afirmou.