Ao registrar aglomerações, sete estabelecimentos são fechados durante feriado prolongado em Goiânia

Entre bares, restaurantes e outros locais, nove foram multados; 90 pessoas também receberam multa pelo não uso de máscaras

Aglomerações em festa promovida durante o feriado prolongado, em Goiânia | Foto: Prefeitura de Goiânia

A Central de Fiscalização Covid-19 de Goiânia fechou sete estabelecimentos entre a noite de quinta-feira, 3, até a tarde deste domingo, 6, por descumprimento das regras de funcionamento de atividades produtivas e eventos. Entre bares, restaurantes e outros locais, nove foram multados.

A fiscalização é feita com base no Decreto N⁰ 3.121, publicado em 1º de junho. Em dois, dos sete locais fechados, ocorriam festas clandestinas, uma delas organizada por um militar do exército. Ao todo, durante esse período, noventa pessoas foram multadas por não usarem máscara. Ainda na tarde deste domingo, foi fechado um restaurante na Alameda Leopoldo de Bulhões, no Setor Pedro Ludovico, por promover aglomeração de mesas na calçada.

Durante a semana passada, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) da capital goiana chegou a informar que a fiscalização fechou 18 lojas por estarem funcionando antes ou após horário permitido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.