Angra dos Reis é outra cidade do RJ a ter morte por deslizamento

Bombeiros confirmam pelo menos uma vítima – uma menina de 4 anos. Volume de chuvas em dois dias foi índice “jamais registrado” no município

Deslizamento em Angra dos Reis destruiu quatro casas | Foto: Reprodução

Novamente o Rio de Janeiro foi vítima de uma tragédia por conta das chuvas. Um deslizamento em Angra dos Reis atingiu quatro casas, fez uma vítima e deixou pelo menos dez pessoas desaparecidas após fortes precipitações na região.

Nas últimas 48 horas, o município registrou volume recorde de chuvas, o equivalente a 655 milímetros no continente e 592 milímetros em Ilha Grande. São índices jamais registrados anteriormente, segundo a prefeitura.

O Corpo de Bombeiros informou que o deslizamento ocorreu por volta das 3h50, na Rua Francisco Cesário Alvim, bairro de Monsuaba. A Defesa Civil foi acionada e resgatou cinco pessoas.

As sirenes do sistema de alerta soaram em áreas com risco de deslizamento e alagamento na madrugada, para alertar moradores de Angra. As aulas em escolas públicas municipais foram suspensas e, no momento, 19 moradores se abrigaram nas instalações.

Segundo a prefeitura, um SMS sobre a possibilidade de chuvas fortes na região foi enviado aos moradores na quinta-feira, 31. Ao todo, 70 bairros receberam mensagens de evacuação.

A Defesa Civil pede que as pessoas permaneçam em casa e só saiam em caso de ser esta a orientação pelas sirenes, SMS ou pessoalmente, pelos técnicos que estão nas ruas.

Nas redes sociais, moradores reclamam da falta de energia elétrica. A Viação Senhor do Bonfim, responsável por parte dos ônibus que circulam em Angra dos Reis, informou nas redes sociais que as linhas estão operando com horários reduzidos.

A região mais atingida pelas chuvas foi Ilha Grande, região turística da cidade. Um barco com 50 funcionários da prefeitura foi deslocado para dar apoio aos moradores.

* Com informações do portal UOL.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.