Anápolis investiu R$ 206 milhões para o combate ao coronavírus, somente em 2020

Município goiano destinou cerca de 70% de sua receita municipal arrecadada com impostos para o enfrentamento da pandemia 

Somente no ano de 2020, Anápolis destinou R$ 90 milhões a mais à área da saúde, em relação ao que foi investido no ano de 2019. O montante total de dinheiro investido nesse setor passou então de 348 para 438 milhões de reais.

Cerca de metade desse valor foi custeado por verbas federais. A outra parte é advinda das taxas e dos impostos arrecadados pelo município e também por repasses do governo estadual.

Dados evidenciam ainda que dos R$295 milhões arrecadados no ano de 2020, R$206 milhões acabaram sendo destinados para o combate ao novo vírus.

Todo esse montante foi destinado para a criação de novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e de enfermaria, custo de equipes médicas e para a compra de medicamentos e insumos. Atualmente, Anápolis dispõem de 93 leitos de UTI, os quais geram um gasto de cerca de R$5 milhões por mês. Segundo a prefeitura, esses leitos são custeados apenas com recursos municipais para que somente os cidadãos anapolinos possam fazer o uso deles. 

Campanha

Desde o início da pandemia, o município de Anápolis abriu dois hospitais voltados para o atendimento de pacientes com Covid-19. As duas unidades de saúde somam juntas 46 leitos de UTI e 64 de enfermaria. Segundo informações da prefeitura da cidade, os gastos com a doença continuam no ano de 2021. Somente no mês de janeiro deste ano, R$30 milhões foram investidos nessa campanha. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.