Anápolis aumenta em 600% a qualificação de professores

Segundo dados do Ideb, o município tem a segunda melhor educação em Goiás

Foto: Reprodução

A rede municipal de educação de Anápolis está colhendo os frutos de investimentos na formação continuada dos professores. Em 2019, foram mais de 2 mil matrículas realizadas nos cursos do Centro de Formação de Profissionais em Educação (Cefope), da Prefeitura de Anápolis — contra 270, durante todo o anos de 2016 —, o que representa um incremento de 641%.

Em 2020, a estimativa é que sejam atendidos, em 2020, 2,4 mil professores no Centro — que é considerado um dos mais bem estruturados em todo o Estado, sendo referência na região e também modelo para outros municípios, incluindo a capital. A rede municipal de educação conta com quase 2,5 mil professores.

Foto: Reprodução

Para Camilla Francisco de Lima Graciano, professora de Língua Portuguesa, há 8 anos, na rede municipal de Anápolis, o Cefope foi um marco em sua carreira. “Em sala de aula, minha visão tinha limitações e eu sentia necessidade de me atualizar. Fazer os cursos aqui foi um divisor de águas em minha profissão”, contou ela, aproveitando para convidar os colegas. “Todo professor deveria buscar a formação continuada aqui, pois impacta diretamente na vida de nossos estudantes”, completou.

De acordo com a secretária municipal de Educação, Sonja Maria Lacerda, estamos em um ano cheio de novidades e muito estudo. “No âmbito das mudanças na Base Nacional Comum Curricular, já qualificamos todos nossos diretores e coordenadores escolares, além de milhares de professores”, reforça. O esforço é conjunto e o trabalho sempre em equipe, “com foco na inovação, na qualidade, eficiência e também equidade do ensino”, finaliza a secretária.

Destaque regional

De acordo com os dados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), Anápolis tem a segunda melhor educação em Goiás. Além de ter atingido antecipadamente a meta de qualidade do governo federal projetada para 2021, para os anos iniciais do ensino fundamental – 1ª a 5º ano, que era de 6,2 pontos. Alcançamos nota 6,3.

O Cefope existe há mais de vinte anos e tem a responsabilidade de propor, viabilizar e executar a política de formação continuada dos professores e dos profissionais não docentes das unidades de ensino vinculadas à pasta. Todas formações oferecidas passam pela aprovação do Conselho Municipal de Educação e são gratuitas.

Atualmente, 20 cursos estão com inscrições abertas. A maior parte do grupo de formadores é composta por mestres e doutores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.