Anápolis adere às medidas restritivas do decreto estadual

Prefeito Roberto Naves anunciou nesta terça-feira, 16,  a adesão ao decreto que impõe medidas restritivas e fecha comércio não essencial por 14 dias 

O prefeito do município de Anápolis, Roberto Naves (PP), anunciou na tarde desta terça-feira, 16, que a cidade irá aderir ao decreto de restrição de atividades anunciado pelo governador Ronaldo Caiado. Segundo Naves, a recomendação veio do Ministério Público.

“Todos estão acompanhando o que está acontecendo com o nosso país: recorde atrás de recorde no que diz respeito ao número de mortes. O Estado de Goiás e a cidade de Anápolis vivem algo semelhante. A doença está avançando rapidamente e isso fez com que o governador Ronaldo Caiado decretasse o fechamento das atividades não essenciais por 14 dias. Nós entendemos a realidade”, reitera Roberto.

O município abriu 20 novos leitos de UTI para os os doentes infectados pelo coronavírus, mas a previsão das autoridades é de que os mesmos sejam preenchidos em um curto período de tempo, visto que a doença está avançando com uma alta velocidade.

2 respostas para “Anápolis adere às medidas restritivas do decreto estadual”

  1. Avatar Andrea pessoa disse:

    Quero saber se os petshop podem vender por delivery. Obg

  2. Avatar Ivan disse:

    Construção cível também fechar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.